quinta-feira, fevereiro 01, 2007

Os dez mandamentos da água











1.º - Amarás a Água como o bem mais singular do nosso belo planeta azul.

2.º - Não esbanjarás a Água do planeta azul em vão.

3.º - Respeitarás os rios e o seu curso porque eles encerram tesouros de vida, beleza e harmonia que foram confiados à tua guarda.


4.º - Honrarás o pai oceano e a mãe fonte porque no seu seio foste gerado.


5.º - Não sonegarás aos vindouros o direito a usufruir da Água já que sem ela não poderão sobreviver.


6.º - Protegerás a pureza da Água não só nas palavras como nos actos.


7.º - Não furtarás a Água do teu vizinho pois não és dono da grande casa do mundo.


8.º - Não inventarás falsas desculpas, nem te refugiarás na ignorância; o conhecimento do ciclo da Água está ao teu alcance e perpetuá-lo é o teu dever.


9.º - Não degradarás a Água enquanto ancestral fonte de prazer e inspiração nem enquanto promessa viva de novas riquezas.


10.º - Não privarás os seres aquáticos que nela vivem, agindo como patrão da natureza quando és apenas um elo na sua cadeia.


Fundação Nova Cultura da Água

Com agradecimento ao "blogue" Esteira do Ambiente

2 comentários:

Ponto Verde disse...

Visualmente muito bom este seu blogue e com um excelente conteúdo, um covite para visitar o www.a-sul.blogspot.com Obrigado.

APOBO disse...

Caro "Ponto Verde"

Desde há bastante tempo que somos visitantes, mais ou menos assíduos do "A SUL". Não fizémos ainda um "link" porque, embora gostemos da acção que vem desenvolvendo, da coragem com que denuncia as situações e a acuidade e atenção que dedica aos mais variados assuntos, parece-nos que há bastante "política" local envolvida e também que o próprio "blog" é, ele mesmo bastante centralizado - o que não tem nada de mal, pelo contrário - mas tentamos dar um ar mais "universal" aos nossos temas, é só. De qualquer forma agradecemos as palavras elogiosas e vamos fazer um "link"...
Até sempre e um abraço.
A direcção da APOBO
Manuel da Cerveira Pinto